Google+ Confraria do Bruxo: Fevereiro 2014

domingo, 16 de fevereiro de 2014

Reto Pensamento


O Pensamento é um reflexo do seu íntimo, é a praia onde desaguam as ondas da sua parte mental. Possui águas tranquilas e límpidas, como um espelho do céu nos homens que se auto-realizam, mas se mostram com ondas remexidas no coração dos homens que não vigiam seus pensamentos.

Enganam-se aqueles que não dão a devida importância ao seu pensamento. Quando oriundos do coração expressam a vontade da realização espiritual, emitidos pelos amigos espirituais mostram sugestões para resignação, vindos do egoísmo representam ausência de razão e enviados pelos irmãos obsessores mostram fraqueza moral.

Reto pensamento é uma conquista pessoal e intransferível, necessitando do devido esforço e dedicação. Para aprender a escrever são necessários muitos treinos na caligrafia, até a faculdade são exigidos anos de estudos contínuos, e que dirá um atleta, que dedica horas a fio no aprimoramento da técnica e da força. Achas que poderás controlar o pensamento com pequenos sopros esparsos de vontade?

Nossos pensamentos são povoados por medos sem causa, ansiedades sem importância, mágoas que já deveriam estar cicatrizadas e angústias de um futuro que nem sabemos se acontecerá.

A primeira tarefa é identificar o teor dos seus pensamentos e preocupações, faça uma avaliação diária.

Na segunda etapa, passe a reverter os pensamentos negativos, críticos, julgadores, pessimistas, etc, utilizando para isso técnicas de respiração, pensamentos positivo, músicas, atividades que exijam concentração, não importa, tente até que se identifique com alguma forma de reverter os seus pensamentos negativos.

Existe um universo dentro de você, esperando para ser explorado e compreendido, mas somente o homem de mente tranquila pode ouvir o que o coração lhe tem a dizer.

Teoremas serão resolvidos!!! Problemas Financeiros serão sanados!!!  A doença um dia se extinguirá!!
A morte é passagem obrigatória do espírito para a pátria espiritual e não podemos evitá-la!!!!
A única coisa que depende somente de você é a transformação dos seus pensamentos e emoções.

O discípulo em busca da libertação se abstém de pensar naquilo que não o levará a real felicidade. Ele não deve esquecer do trabalho ou da família e muito menos dos problemas materiais, contudo, seus pensamentos não param nessa faixa vibratória: ele ascende, se interioriza, busca com muito mais intensidade a solução para os problemas da sua alma, dedicando somente o tempo necessário às questões de sobrevivência.

Eleve seus pensamentos para dentro do seu coração, buscando aquietar-se e pensar naquilo que é realmente verdadeiro, justo e amoroso.

Reto pensar é pensar nas leis imutáveis do Pai, é observar para raciocinar, é contemplar para deduzir, é raciocinar no abstrato, tornando seu pensamento uno com o Criador.

Quem pensa reto pensa na melhora e no sucesso de todos que o cercam!!!
Quem pensa reto é justo e honrado. 
Quem pensa reto pensa em Jesus e nas suas lições de amor, igualdade e solidariedade.
Quem pensa reto não julga o irmão caído, não revida ofensas e não deseja o mal.
Quem pensa reto canaliza toda sua força para o bem.

Reflita sobre os seus desequilíbrios, sobre as suas angústias, encarando os seus problemas de frente, pensando de que forma pode resolvê-los, mas seja também humilde, pedindo ao nosso Senhor Jesus Cristo que o ajude a vencer o inimigo que existe dentro de você.

Se hoje não consegue controlar seus pensamentos e torná-los puros, tente amanhã, acredite que você pode vencê-los e não desista, nunca, pois o seu destino final é a angelitude.

Psicografia de um irmão...

Abraços Fraternos 
Bruxo Branco!

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Os Espinhos que Ferem são Produzidos pelo Arbusto que Plantamos


"Os espinhos que me feriram foram produzidos pelo arbusto que plantei."
(Byron)

Um pensamento muito certo.
O que você plantar cedo ou tarde colherá.
Muitos dos “espinhos" que colhemos, ou que fazemos os outros colherem, são intencionais, mas a sua dor, essa já ninguém a tira.

Lembrei uma história:
Era uma vez um garoto que tinha um temperamento muito explosivo.
Um dia ele recebeu de seu pai um saco cheio de pregos e uma tábua.
O pai disse-lhe que martelasse um prego na tábua toda vez que perdesse a paciência com alguém.
No primeiro dia o garoto colocou 37 pregos na tábua.
Já nos dias seguintes, enquanto ele ia aprendendo a controlar a sua raiva, o número de pregos martelados por dia foram diminuindo, gradualmente.
Ele descobriu que dava menos trabalho controlar sua raiva do que ter que ir todos os dias pregar diversos pregos na placa de madeira...
Finalmente chegou um dia em que o garoto não perdeu a paciência em hora alguma.
Ele falou com seu pai sobre o seu sucesso e sobre como se estava sentindo melhor em não explodir com os outros.
O pai sugeriu que ele retirasse todos os pregos da tábua e que lhe trouxesse.
O garoto então trouxe a placa de madeira, já sem os pregos, e a entregou a seu pai.
Ele disse, "está de parabéns, meu filho, mas de uma olhada nos buracos que os pregos deixaram na tábua, a tábua nunca mais será como antes."

Quando você diz coisas estando com raiva, suas palavras deixam marcas como essas.
Você pode enfiar uma faca em alguém e depois retirá-la.
Não importa quantas vezes você peça desculpas, a cicatriz ainda continuará lá.
Uma agressão verbal é tão ruim quanto uma agressão física.

Pense e reflita.


Abraços fraternos,
Bruxo Branco